Lâminas de barbear 7’O Clock

Um pouco de informação sobre as ótimas laminas de barbear 7’O Clock

Olá caros leitores, este será mais um post sobre lâminas, e desta vez sobre as “famosas” Gillette 7’O Clock, coloquei o adjetivo entre aspas, por que são famosas entre nós, amantes de um bom barbear, se você sair perguntando por ai sobre essas lâminas, vai quebrar a cara, eu não tenho certeza, mas acho que elas nunca foram vendidas aqui, mas posso estar errado, peço aos colaboradores e seguidores do blog que me corrijam, se tiverem mais informações.

Falando em informações, barbaridade, tentei saber algo sobre a história desse nome, a história dessa marca, mas ô coisa difícil, encontrei pouca coisa, e os amigos do grupo, Afonso e Hugo deram uma ajudinha, eu gosto de trazer esse tipo de informação, mas desta vez vou ficar devendo, o pouco que sei é que essa marca era inglesa, registrada em 1914 depois foi comprada pela gigante Gillette ( pra variar) entre as décadas de 20 e 30 e sua produção saiu da Inglaterra, o nome 7’O Clock insinua que você vai se barbear pela manha e até a 7’O Clock sua barba ainda estará rente.

Hoje a Gillette tem 4 modelos de lâminas 7’O Clock, 2 fabricados na Rússia, e 2 fabricados na Índia, o por que? Eu “chuto” que seja por questões logísticas, só que as lâminas acabam sendo diferentes, a matéria prima, o aço, com certeza é diferente entre a Russa e a Índia, o aço indiano é muito famoso pela sua qualidade, o mercado consumidor também, então essas lâminas tem afiações e coberturas diferentes.

Antes de seguirmos em frente aqui temos 2 imagens das embalagens antigas.

7oclock

A imagem acima é de uma caixinha quando a marca ainda não pertencia a Gillette

G7oclockvintage

A imagem acima é da embalagem nova, agora já pertencendo a Gillette, mas ainda sem nome do novo dono grafado.

Vamos começar a mostrar as atuais

Super Stainless – Fabrica na Rússia em St Petesburgo, não tem muita informação da caixa, a não ser o nome Super Inoxidável, muito afiada e confortável ao mesmo tempo, foi durante um bom tempo a minha preferida.

777

4

WIN_20180717_20_00_20_Pro

Shrap Edge – também fabricada na Rússia em St Petesburgo e o nome diz “borda afiada” gosto muito dessa lâmina também, semelhante a sua irmã de caixa verde bem afiada e bem confortável.

777

1

WIN_20180717_20_03_17_Pro

Super Platinum – Fabricada na ìndia, e a minha favorita hoje sem dúvida alguma, afiada suave e muito durável, consigo 5 barbeares com muito conforto, mas com o aumento da procura, se tornou a mais cara das 4.

777

3

WIN_20180717_20_07_09_Pro

Permasharp Stainless – não se engane, parece a russa mas não é, essa também é fabricada na Índia, fui ludibriado, e foi uma boa surpresa, eu estava no E-Bay procurando as russas, achei um anuncio com bom preço e comprei, a foto do anuncio era da russa, mas as que vieram foram as indianas, xinguei muito, mas depois de testar, aprovei, bom fio, confortável e a mais barata das 4.

777

2

WIN_20180717_20_11_23_Pro

photo_2018-07-17_20-20-41

777

Talvez não seja possível identificar grandes diferenças pelas fotos dos gumes, mas posso garantir a vocês que cada lamina tem suas características, é necessário ter todas? Claro que não, os entusiastas como eu gostam de testar tudo, mas você pode encontrar a que melhor se adapta a sua barba e a sua pele, e comprar só ela, para fazer testes, no E-Bay tem muitos anúncios com amostras de lâminas.

777

Se você se interessou em adquirir essas lâminas, o caminho é a importação, seja pelo E-Bay ou por lojas já indicadas no blog como a Maggards (USA) Gifts & Care (SPAIN) dentre outras.

Pra finalizar digo que adoro todos os 4 modelos, 2 características comuns as 7’O Clock são o ótimo fio e a suavidade que esta relacionado ao tipo de polímero o qual a lamina é banhada, o problema dessas lâminas é a dificuldade de consegui-las e o preço, a fama delas já correu o mundo, e como o Wetshaving tem crescido em alguns países, a procura por bons produtos aumentou também, e com essa procura o preço subiu consideravelmente.

Se você chegou até aqui, deixo meu muito obrigado, curta comente, ficaremos felizes em lhe responder.

Clique no link e receba nossas atualizações !!!
Subscribe to BarbeandoCast by Email
Ouçam nosso podcast, clique no feed e abra no app favorito
http://barbeandocast.podomatic.com/rss2.xml

Anúncios

Pincéis de pelos de cavalos?

s646922585900369517_p2078_i6_w731

Pode parecer estranho de início, mas os pinceis de pelo cavalo são bastante antigos, e eles estão voltando depois de um hiato de quase 100 anos, após um surto de Antrax durante a primeira guerra mundial, e embora ainda seja relativamente difícil de encontrar comparado com os pinceis de texugo e porco, esses pincéis possuem algumas características únicas.

O primeiro ponto que quero ressaltar é fator “animal” os pelos são retirados ou da crina ou da cauda dos cavalos, o animal não é machucado ou morto, como acontece como o Texugo e o javali, então se você não usa pelo animal pelo fato dos animas serem sacrificados ou “torturados” o pelo de cavalo pode ser uma saída.

Meu relato é baseado no pincel que adquiri, mas tenho lido em outros blogs e fóruns, que pinceis de cavalo podem ser tão macios quanto um pincel de texugo, o meu pincel é um Vie Long 12601 com um nó de 21mm, o qual eu irei detalhar mais adiante.

Quando comecei a pesquisar antes de fazer a compra, encontrei alguns relatos negativos e eu vou pontuar todos eles aqui e comparar com o meu pincel.

Os pelos enroscam – vi vídeos em que os pelos embaraçam e necessitam ser penteados, algumas pessoas chegam a indicar lavar o pincel com condicionador de cabelos, fiz vários testes, varias barbas, e até agora no meu pincel não ocorreu esse problema, mas mesmo que ocorresse, não seria o fim do mundo pentear depois do barbear, mas usar condicionador é uma exagero na minha opinião.

Cheiram mal – isso é comum também aos pinceis de porco principalmente e menos comum aos de texugo, o meu pincel veio um pouco fedido sim, mas uns 3 usos depois não senti mais nada.

Pelos pinicam – o meu picel de fato pinica um pouco, mas muito menos que o Omega 10048 por exemplo

Agora vou falar do meu pincel, eu adquiri no E-bay, foram meros 40,00 reais, tem um nó pequeno, apenas 21mm, são pelos pretos e brancos, a altura total do pincel é de 94mm, seu peso é de 35g, o cabo é em resina maciça com ótima pegada e bom peso, a marca Vie Long é espanhola e com bastante tradição em pinceis em geral e principalmente com pelos de cavalo, alias os espanhóis apreciam muito esse tipo de pincel.

photo_2018-07-02_20-23-16

Por ser pequeno não gostei de fazer espuma no rosto, não rende, mas no bown foi muito tranquilo, os pelos retem mais agua do que os de texugo e porco, isso deixa ele mais floppy, mais mole com pouco back-bone, no geral eu gostei do pincel, esperava até menos, em função de tantas criticas que li, e depois dessa experiencia, com certeza terei um com um nó maior, pelo menos 24mm.

photo_2018-07-02_20-22-48

photo_2018-07-02_20-22-41

Se você se interessar procure no E-Bays ou na https://www.giftsandcare.com/es/ uma loja espanhola com bastante variedade e ótimos preços.

Conclusão: Este é um pincel que se encaixa exatamente entre entre os de pelo de porco e os de texugo, este em especifico é mole e confortável, se você quer testar um picel de cavalo, eu recomendo que comece com um pincel barato como esse, alias pincel de barbear no Brasil é um problema, os nacionais são um lixo, e os importados caros, então se você não tem pressa, é uma boa opção.

Deixa sua duvida ou seu comentário, responderemos com o maios prazer.